Adeus ao gênio da informática

Steve Jobs infelizmente faleceu ontem. Um combate a um raro câncer no pâncreas.

Já li tanta piadinha disso que só me fez criar ânsia. Sério, como é que existe tanta gente sem alma, sem coração que consegue fazer PIADA numa hora tão triste?
Dia 9 irá fazer dez meses que perdi meu pai pela mesma doença. Ver uma pessoa, dentro da sua casa, definhando a cada dia, por estar com uma doença terminal não é engraçado. Não dá para fazer comédia com isso.
Fico pensando se esses mesmos “piadistas” fariam coisinhas engraçadinhas com a morte de seu pai, mãe ou qualquer um da própria família. Acredito que não.
Só uma coisa antes de fazer piadinha com a morte: pensem que a morte não é uma coisa engraçada. É triste, dolorosa, silenciosa e quem fica, nunca mais será a mesma pessoa.
Tudo bem, chega de lição de moral. Mas me revolta muito ler no twiiter alheio sobre isso.
Que pelo menos alguém se conscientize de sua insanidade e se retrate. É doloroso ler tudo isso.

E que Deus, nessa hora, fique com os amigos e familiares. Porque eles perderam um ente querido e o mundo perdeu um gênio. Não só da informática, mas da tecnologia.

Anúncios